Globedia.com

×
×

Error de autenticación

Ha habido un problema a la hora de conectarse a la red social. Por favor intentalo de nuevo

Si el problema persiste, nos lo puedes decir AQUÍ

×
cross

Suscribete para recibir las noticias más relevantes

×
Recibir alertas

¿Quieres recibir una notificación por email cada vez que Star.med.br escriba una noticia?

PACS: Guia Completo e Ilustrado sobre o sistema

14
- +
23/05/2022 22:57 0 Comentarios Lectura: ( palabras)

O sistema PACS (Picture Archiving Communication and Systems) representou um avanço para a radiologia a partir da década de 1990

  1. Sistema PACS (Picture Archiving Communication and Systems) representou um avanço para a radiologia a partir da década de 1990. A tecnologia está cada vez mais consolidada nos centros de imagens, permitindo desde redução de custos até maior produtividade da equipe.

    Esse artigo traz tudo o que você precisa saber sobre PACS:

    1. O que é PACS?
    2. Benefícios de utilizar um PACS.
    3. Etapas da implementação do PACS em um centro de imagem
    4. Como escolher um bom sistema PACS?
    5. Integração RIS e PACS.
    6. Como saber se um centro de imagem precisa de RIS ou de PACS?
    7. Cuidados que devem ser tomados com o sistema PACS.

     

    1. O que é PACS?

    o que é pacs

    PACS é um sistema de armazenamento e comunicação de imagens que funciona como um banco de dados de exames, que armazena imagens em formato DICOM. Ou seja,  eliminando a necessidade de arquivar e transportar filmes radiológicos manualmente.

    DICOM (Digital Imaging and Communications in Medicine) é o formato padrão internacional para arquivos de imagens médicas e informações relacionadas, tais como dados clínicos e informações do paciente. O formato é reconhecido pela ISO (International Organization for Standardization), tal como a norma ISO 12052.

    Desde sua primeira publicação em 1993, o DICOM revolucionou a prática da radiologia, permitindo a substituição do filme de Raios X por um fluxo de trabalho totalmente digital. Equipamentos como Ressonância Magnética, Tomografia Computadorizada, entre outros, capturam as imagens dos exames e processam as informações dos pacientes em formato DICOM, arquivando o conteúdo em um banco de dados do tipo PACS.

    Pacs

    O PACS foi desenvolvido com o objetivo de facilitar os processos dentro dos centros de imagens, tanto para o gestor quanto para a equipe médica. O sistema armazena exames de forma rápida,  otimizando o acesso das imagens a partir de um visualizador DICOM. Sua funcionalidade pode ser entendida por essa ilustração:

    funcionalidades do pacs

    Além disso, o sistema PACS é compatível com exames de tomografia, ressonância magnética, raio-x, mamografia, cintilografia, tomografia por emissão de pósitrons (PET), densitometria óssea, ultrassom, entre outros, desde que as imagens dos exames estejam em formato DICOM.

    Pelo fato das imagens dos exames estarem armazenadas em meio eletrônico, o PACS oferece a possibilidade de configurar dispositivos externos (conhecidos como “nó DICOM”) para que os exames possam ser enviados a estações de trabalho (“workstations”) ou outros servidores PACS (empresa de telerradiologia, por exemplo). Alguns modelos permitem essa transferência de dados de forma segura, com a aplicação de uma camada de criptografia na conexão.


Sobre esta noticia

Autor:
Star.med.br (52 noticias)
Visitas:
280
Tipo:
Opinión
Licencia:
Copyright autor
¿Problemas con esta noticia?
×
Denunciar esta noticia por

Denunciar

Etiquetas

Comentarios

Aún no hay comentarios en esta noticia.