Globedia.com

×

Error de autenticación

Ha habido un problema a la hora de conectarse a la red social. Por favor intentalo de nuevo

Si el problema persiste, nos lo puedes decir AQUÍ

×
×
Recibir alertas

¿Quieres recibir una notificación por email cada vez que Mundociclismouci escriba una noticia?

Mountain Bike nos Jogos Abertos do Interior em novembro

18/10/2010 01:25 0 Comentarios Lectura: ( palabras)

Hoje foi anunciado no Congresso Técnico a inclusão do Mountain Bike como modalidade extra nos Jogos Abertos do Interior na cidade de Santos.

O JAI como é chamado trata-se da maior competição amadora do país e a base de sustentação do esporte brasileiro. O mountain bike, modalidade Olímpica desde 1996, Atlanta-USA, passou por muitas mudanças e hoje está inserido em todo território brasileiro. O tipo de bicicleta usado para a modalidade além de servir para o esporte é um meio de transporte muito usado no país. Um veiculo não poluente e de auto sustentação.

A Confederação Brasileira de Mountain Bike vem lutando para que a inclusão seja uma realidade e já neste primeiro ano, insere como modalidade extra na maior competição amadora do Brasil, fazendo com que os departamentos esportivos dos municípios tenham mais interesse na modalidade e com isso trazendo desenvolvimento para o mountain bike brasileiro.

A modalidade já foi realizada com sucesso nas oito regiões esportivas no mês de julho nos Jogos Regionais, competição também organizada pela Secretaria de Esporte, Lazer e Turismo do Estado de São Paulo.

A inserção da modalidade pode ser classificada como  a maior vitória da entidade neste primeiro ano de atividade. O Mountain Bike desde seu surgimento no Brasil nunca teve uma política dirigida para o seu crescimento. Com o título de primo pobre do ciclismo de estrada, o MTB sempre ficou com a sobra das outras especialidades das duas rodas. Vivendo única e exclusivamente de organizadores de eventos, o mtb brasileiro não atende nenhuma das especificações para uma competição internacional. 

As vésperas das Olimpíadas serem realizadas no Brasil, ações de baixo alcance feitas pela entidade responsável pela modalidade no COB e UCI estão mascarando a real necessidade do atleta e do esporte. Gostaríamos de entender o que interessa realmente ao COB e ao Ministério do Esporte. 

Hoje temos uma só certeza, não é uma medalha olímpica no Mountain Bike.

Os JAI acontece em Santos – SP entre os dias 04 e 14 de novembro e as especialidades do Mountain Bike acontecerão nos dias 07- Downhill, no Morro do José Menino e 13 – Cross Country, no Monte Cabrão, na área continental da cidade.Segue o regulamento específico das modalidades divulgado em nota oficial pela CBMTB.Fonte: Confederação Brasileira de Mountain Bike.    Nota Oficial: 003/10

Santos, 15 de outubro de 2010

Ref.: Jogos Abertos do Interior 2010 - Modalidade Extra – Inscrições/Datas/Regulamento

Devido a inclusão do esporte Mountain Bike (MTB) nos Jogos Abertos do Interior 2010, com as modalidades Cross Country Olímpico (XCO) e Downhill (DH) como modalidades extra, sendo a FPMTB – Federação Paulista de Mountain Bike e a CBMTB – Confederação Brasileira de Mountain Bike as responsáveis pela organização e arbitragem, bem como a realização das provas em parceria com o município sede, fica determinado pela CBMTB, na atribuição de suas funções, que:

1      – As inscrições de atletas e cidadesO formulário de inscrição (disponível AQUI) deverá ser CORRETAMENTE preenchido e entregue no Congresso Técnico da modalidade de acordo com a programação abaixo. As inscrições deverão ser realizadas através das Secretarias Municipais de Esportes de cada município do estado de São Paulo, e, exclusivamente na ausência destas, de representantes/ filiados da FPMTB espalhados pelo estado.

Maiores informações pelo tel. (13) 3301-7215, das 14h00 às 17h30min c/Ana Paula, de segunda a sexta.  2  – Programação  Dia 07 de novembro- Domingo  08h00 – Treino DHI – Morro do José Menino - Santos  máximo de 4 descidas por piloto11h00 – Término do treino de DHI12h00 – Prova DHI 14h00 – Premiação XC e DHI  Dia 13 de novembro- Domingo  14h00 – Prova XC - Monte Cabrão - Santos

Circuito: 2, 5 kmMasculino: 8 voltasFeminino: 5 voltas

 3  – RegulamentoCap. 1 – Informações Gerais

§1 – Cada cidade poderá inscrever até 08 corredores dispostos da seguinte maneira: 03 homens no XCO, 01 mulher no XCO, 03 homens no DHI e 01 mulher no DHI.

§2 – A idade mínima para participação nas provas do JAI 2010 é de 14 anos. Os corredores com menos de 18 anos deverão possuir um termo de autorização assinado pelos pais ou responsável que o autorize a participar das competições.

§3 – As categorias do MTB nos JAI são livres, não havendo separação por idade, sendo somente uma categoria masculina e outra feminina.

§4 – Os corredores deverão apresentar o RG (ou documento com foto) na prova, no ato da assinatura de súmula. Caso o mesmo não esteja munido do documento no ato, será desclassificado, de acordo com regulamento da SELT.

§5 – O responsável pela equipe (cidade), que a representará no Congresso Técnico, deve possuir CREF.

§6 – Os corredores devem respeitar a natureza e se comprometerem a não poluir o local do percurso.

§7 - Os corredores deverão manter o espírito esportivo em todas as circunstâncias e deixar passar os corredores mais rápidos sem tentar obstruir a passagem deles.Cap. 2 – Das modalidadesItem I - Cross Country Olímpico (XCO) – (03 homens e 01 mulher)

§1 – O XCO consiste em uma prova de voltas em um circuito fechado que poderá possuir de 1 a 7 km por volta, sendo que os corredores largam juntos e o vencedor é o que completar o percurso (com o número de voltas predeterminadas) primeiro.

§2 – O número de voltas deverá ser distribuído de acordo com a quilometragem das mesmas, sendo que a prova, em sua totalidade não poderá ter menos de 10 Km e mais de 70 Km.

§3 – O percurso do XCO pode possuir obstáculos dos mais variados tipos, naturais e artificiais, obrigando ou não os corredores a desmontar da bike, preferencialmente por single tracks (trilha onde se passa só uma pessoa por vez).

§4 – A preparação de partida dos corredores deverá começar 20 minutos antes da hora prevista para a partida da prova. Cinco minutos antes da preparação de partida um anúncio deve ser difundido por meio de sonorização instalado no local para informar aos corredores o início da operação. Um novo anúncio deve acontecer 3 minutos antes do início da operação.

§5 – Os corredores se alinham em ordem num local à parte onde serão chamados para a linha de partida. O número de corredores sobre a linha será anunciado pelo comissário de prova na largada. É o corredor que decide a sua posição sobre a linha.Item II – Downhill Individual (DHI) – (03 homens e 01 mulher)

§1 – O DHI consiste em descida de montanha, individual e cronometrada, na qual vence o corredor que completar o trajeto no menor tempo.

§2 – A prova de DHI se desenrola segundo um sistema de descida único, sendo o vencedor o que descer o percurso em menos tempo. 

§3 – O percurso do DHI deve possuir de 400m a 3Km.

§4 - O percurso deve apresentar terrenos diferentes: pistas estreitas e pistas largas, caminhos entre florestas, nos campos, bosques e estradas com cascalhos. Deve ainda apresentar uma variação de técnica e velocidade. Mais que a capacidade do corredor para pedalar, deve ser testada sua habilidade técnica.

§5 - O percurso das provas de descida deve ser totalmente separado de qualquer outra prova realizada no mesmo local.

§6 - O uso de capacete fechado, luvas, devidamente homologado, é obrigatório inclusive durante o treinamento no percurso. 

§7 – O atleta terá direito a no máximo 4 (quatro) de treinamento

Cap. 3    - Pontuação e Classificação

§1 – Para apuração do Município Campeão Geral dos Jogos Abertos em cada divisão, obedecer-se-á a seguinte tabela de pontuação por modalidade, categoria e sexo:1º. lugar..................09 pontos

2º. lugar..................07 pontos

3º. lugar..................06 pontos

4º. lugar..................05 pontos

5º  lugar..................04 pontos

6º  lugar..................03 pontos

7º  lugar..................02 pontos

8º  lugar..................01 ponto

§2 – Será conferido a cada Município, 01 (um) ponto como bonificação por modalidade e sexo participante.  §3 - As equipes que abandonarem as disputas em qualquer modalidade e sexo serão desclassificadas e consideradas desistentes, ficando sujeitas a outras penalidades que poderão ser aplicadas pelos órgãos judicantes da CEL.

Configuram abandono as seguintes situações:

a) deixar de comparecer depois de inscrito;

b) desistir oficialmente da competição;

c) comparecer ao local das competições e se recusar a competir.Os Municípios, nos casos citados, deverão apresentar justificativa fundamentada por escrito até 12 (doze) horas que antecedem a competição, para apreciação da Chefia, que poderá encaminhar à Comissão Disciplinar.  §4 - Em caso de empate na classificação final por Município e divisão, obedecer-se-á ao seguinte critério para desempate:

a) Maior número de primeiros lugares;

b) persistindo o empate, será o desempate efetuado pelo maior número de segundos lugares, e assim sucessivamente, com as classificações subseqüentes;

c) persistindo ainda o empate, classificará os empatados em uma única classificação.

Atenciosamente,

 Marcelo Gomes Coelho

Presidente

Confederação Brasileira de Mountain Bike   

http://www.mundociclismouci.com

Juegos Centro Americanos y del Caribe Mayaguez 2010 Puerto Rico


Sobre esta noticia

Autor:
Mundociclismouci (5176 noticias)
Fuente:
mundociclismouci.com
Visitas:
5892
Tipo:
Reportaje
Licencia:
Distribución gratuita
¿Problemas con esta noticia?
×
Denunciar esta noticia por

Denunciar

Empresas

Comentarios

Aún no hay comentarios en esta noticia.